As motivações dos jovens para o estudo: raízes e consequências

Dr. Mario Corrales Serrano a, Dr. Jesús Sánchez Martín b, Dr. José Moreno Losada c, Dr. Francisco Zamora Polo d
a Colegio Santa María Assumpta, Badajoz mariocorralesserrano@gmail.com, b Universidad de Extremadura, c Universidad de Extremadura, d Universidad de Extremadura
DOI: 10.22400/cij.4.e020
RESUMEN ǀ ABSTRACT ǀ RESUMO

Uma das decisões mais importantes que um estudante realiza em seu itinerário de estudo é a escolha entre as diferentes modalidades de estudo realizadas em diferentes momentos do estágio de estudos do Ensino Secundário. Esta eleição tem uma importância especial nos cursos de Bacharelado, em que um aluno começa a moldar seu futuro profissional e universitário. Ao tomar essa decisão, influenciam fatores muito diferentes. As estatísticas de escolha das modalidades de estudo no estágio do Bacharelado mostram um desequilíbrio de preferências, sendo a modalidade de Ciência a mais escolhida. O grupo de inovação “Ética do corpo docente universitário” está realizando algumas pesquisas de análise desta situação, os fatores que influenciam e as conseqüências para os jovens, suas aspirações trabalhistas, a construção de nossa sociedade e a relação que existe entre estudo, pessoa e sociedade.

PALABRAS CLAVE ǀ KEYWORDS ǀ PALAVRAS CHAVE
humanidades, ciências sociais, motivação, bacharelado, didática
Recibido ǀ Received ǀ Recebido  05/01/2018,  Aceptado ǀ Accepted ǀ Aceito  18/01/2018,  Publicado ǀ Available ǀ Publicação  31/01/2018 
Licencia ǀ License ǀ Licença Salvo indicación contraria, todos los contenidos de Cuadernos de Investigación en juventud se distribuyen bajo una licencia de uso y distribución Creative Commons Attribution License (CC BY) Spain 3.0.